O processo de estruturação de um corporate venture capital pode ser considerado um grande paradoxo. Na teoria, estamos falando de corporações comprando participações em startups — algo que parece não ter um alto grau de complexidade. Porém, quando falamos da prática, essa é uma operação complexa pois, além da possibilidade de assumir diversas estruturas, pode ser norteada por inúmeros objetivos. O intuito desse texto é construir uma análise sobre as fases do desenvolvimento de um corporate venture capital.

A primeira pergunta a ser respondida quando pensamos em desenvolver um novo projeto deve ser sempre a mesma: por que fazer isso…


O Provence Talks do mês de abril traz um debate sobre os desafios que uma empresa multinacional enfrenta para colocar em práticas seus projetos de inovação, além da importância da construção de uma boa rede de relacionamento entre grandes empresas e todos os players do ecossistema. Para isso, convidamos Natalia Lacerda, Gerente Executiva do Banco BNP Paribas e responsável pela criação do La Fabrique, centro de inovação criado pelo grupo BNP Paribas e mais 3 empresas francesas que desejam incentivar o desenvolvimento de projetos tecnológicos no Brasil.

Texto na íntegra:

1)Natalia, primeiramente gostaria de agradecer em nome da Provence Capital…


O texto de hoje abordará a terceira etapa da jornada da inovação dentro de grandes corporações, etapa esta que chamaremos de execução. O objetivo principal desta fase é conquistar o apoio das demais áreas da empresa, relembrando que o primeiro passo do processo foi a definição de planos de ação para o curto, médio e longo prazos, seguidos do estabelecimento de benchmarks que servirão como referência e métricas de sucesso para a implantação de nossas iniciativas planejadas.

A etapa de execução é o momento em que os aprendizados serão extraídos da teoria e colocados em prática, um learn by doing


Depois de compreendermos as principais mudanças do mercado nos últimos anos, assim como entendemos o posicionamento da concorrência e as principais transformações no perfil dos consumidores do mercado da empresa em questão, chegou o momento de fecharmos as portas para pensarmos sobre os próximos passos da companhia. Quais serão os novos planos de ação e benchmarks utilizados pra trazer mais visibilidade aos processos da jornada de inovação?

Para essa etapa, é muito importante adotar um ponto de vista neutro, trazendo pontos fortes da empresa em que você trabalha, pontos fortes dos concorrentes, as fraquezas de ambos e quais oportunidades poderiam…


O Provence Talks do mês de fevereiro traz uma discussão prática sobre as principais responsabilidades e dificuldades que um time de inovação enfrenta dentro de uma grande corporação. Para isso, convidamos Duda Davidovic, head de inovação da Cartão Elo e fundadora da escola de inovação The Airship, para dividir um pouco mais sobre sua trajetória e experiência profissional. Além disso, abordamos os temas de diversidade e representatividade das mulheres no mercado de inovação.

Texto na íntegra:

1)Duda, muito obrigado por ter aceito participar do Provence Talks. Um dos tópicos que achamos mais interessantes e estamos curiosos para discutir sobre sua…


Já parou para pensar como se começa a jornada da inovação dentro de uma corporação? Pois bem, o texto de hoje tem como objetivo provocar equipes de inovação a darem alguns passos para trás e refletirem sobre as etapas iniciais que poderão refletir diretamente nas estratégias de suas respectivas empresas. Muitas vezes definimos um plano de ação que seguimos à risca, sem pararmos em momentos importantes para reflexão e correção de curso com eventuais ajustes que poderiam evitar uma série de complicações futuras no andamento dos projetos e — consequentemente — objetivos.

Chamaremos a primeira etapa da inovação de “fase…


O Provence Talks do mês de janeiro traz como tema principal os desafios práticos do Corporate Venture Capital dentro do mercado financeiro. Convidamos Frederico Pompeu, sócio do banco BTG Pactual e responsável pelo boostLAB, hub de negócios do BTG para empresas de tecnologia e que se destaca globalmente pela criação de valor para as startups do programas já realizados.

Texto na íntegra:

1) Sabemos que, há poucos anos, o mercado financeiro brasileiro era visto como um dos setores mais tradicionais no país. Hoje em dia podemos afirmar que o mesmo está, de longe, entre os mercados mais inovadores, utilizando tecnologia…


O Provence Talks do mês de dezembro traz como tema principal a criação da área de inovação dentro de grandes empresas, analisando variáveis como o engajamento da liderança da empresa nos projetos da área e também o desenvolvimento de um programa de aceleração. Para isso, convidamos Erico Fileno, Head de Inovação e Design da Visa, empresa que vem se destacando muito no ecossitema de inovação e tecnologia pelos projetos desenvolvidos com startups e por seu programa de aceleração.

Texto na íntegra:

Provence

Pode nos contar sobre como foi assumir o papel de liderança da área de inovação da Visa? Adoraríamos…


Você já se perguntou quantas grandes ideias morrem diariamente dentro de grandes corporações? Além disso, já se questionou o porquê dessas ideias não irem para frente? Pois bem, após dezenas de conversas com líderes de grandes empresas dos mais diversos setores sobre os temas de inovação e tecnologia, decidimos ilustrar o que é, sob o nosso ponto de vista, o papel da liderança das empresas na queda de grandes ideias e iniciativas.

Em níveis organizacionais, dificilmente ouviremos sobre iniciativas ou projetos de inovação bem sucedidos dentro de grandes corporações sem a presença ativa de suas respectivas lideranças. Líderes de uma…


Quando falamos sobre corporate venture capital no Brasil, a Cervejaria Ambev certamente aparece como uma das principais referências no tema. Com diversos investimentos feitos ao longos dos últimos anos (destacando Lemon e Zé Delivery como alguns dos mais recentes investimentos concluídos pela companhia), convidamos para participar do Provence Talks de novembro o Head of Finance da Cervejaria Ambev, Igor Brito. O obejtivo dessa conversa é dividir os aprendizados, erros e acertos da organização desde o início da iniciativa do CVC até os dias de hoje.

Texto na íntegra:

Provence:

Como foi sua jornada até a posição que ocupa hoje na…

Provence Capital

Venture capital firm focused on partnering up with the best entrepreneurs in Brasil and helping them along their journey

Get the Medium app

A button that says 'Download on the App Store', and if clicked it will lead you to the iOS App store
A button that says 'Get it on, Google Play', and if clicked it will lead you to the Google Play store